Enfermagem e tecnovigilância na assistência segura

Autores

  • Diego Augusto Lopes Oliveira Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE Autor https://orcid.org/0000-0003-1754-7275
  • Maria Simone Tavares da Silva Silva Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE Autor https://orcid.org/0000-0002-6988-7717
  • Rayanne Kewelly Silvestre Silva Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE Autor https://orcid.org/0000-0002-6938-1492
  • Thielly Daiany Cintra Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE Autor https://orcid.org/0000-0002-8390-9871
  • Rosa Régia Sousa de Medeiros Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE Autor https://orcid.org/0000-0002-9769-6053

DOI:

https://doi.org/10.22239/2317-269X.01171

Palavras-chave:

Segurança do Paciente, Gestão de Riscos, Dano ao Paciente, Enfermagem

Resumo

Introdução: O uso de tecnologia na atenção em saúde tornou-se mais corriqueiro evidenciando a necessidade de vigilância e desenvolvimento de medidas de barreira em prol de uma assistência segura. Objetivo: Elucidar as ações de prevenção de eventos adversos na assistência de enfermagem vinculado a implementação do monitoramento da tecnovigilância. Método: Revisão integrativa da literatura realizada em periódicos nacionais publicados entre 2012 e 2017, utilizando bases de dados de livre acesso com publicações em português, sendo estruturada avaliação segundo as etapas propostas para essa modalidade de estudo. Resultados: Dos seis artigos encontrados (três no Lilacs, dois no BDENF e um no Medline), quatro foram excluídos por não atender aos critérios de inclusão. Conclusões: A enfermagem vivencia dificuldades sobre a compreensão para prevenção e ocorrência dos eventos adversos especialmente quando relacionados ao uso de equipamentos, determinando a carência destas medidas para uma assistência segura.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Diego Augusto Lopes Oliveira, Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE

    Graduação em Enfermagem pela Autarquia Educacional do Belo Jardim (2007), Especialização em Oncologia pelo Centro Universitário Uninter (2008), Especialização em Enfermagem em Terapia Intensiva pelo Grupo CEFAPP (2013), Especialização em Gestão Integrada da Qualidade e Segurança do Paciente pela Faculdade de Ciências Médicas de Belo Horizonte - MG (2018) e Mestrando em Enfermagem pelo Programa Associado de Pós-Graduação em Enfermagem UPE/UEPB (2019) .Tem experiência Assistencial e Gerencial em Enfermagem com ênfase no Ensino de Nível Técnico, de Graduação e Pós-Graduação. Experiência no Desenvolvimento de Ações integradas para Gestão da Qualidade e Segurança do paciente em Instituições Hospitalares, Operadoras de Plano de saúde, Pronto Atendimento, Clinicas e Laboratórios de Análises Clínicas. Atua como Docente do curso de Graduação em Enfermagem do Centro Universitário Tabosa de Almeida (ASCES/UNITA). Possui como áreas de interesse: Ensino em Enfermagem, Enfermagem Oncológica, Sistematização da Assistência de Enfermagem, Autocuidado, Sistema de Gestão da Qualidade, Segurança do Paciente, Acreditação Hospitalar,Protocolos Clínicos, Linhas de Cuidado Assistencial e Planejamento Estratégico em Saúde.

  • Maria Simone Tavares da Silva Silva, Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE

    Atualmente é do Associação Caruaruense de Ensino Superior.

  • Rayanne Kewelly Silvestre Silva, Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE

    Possui ensino-medio-segundo-graupela Escola Estadual Tancredo Neves(2012). Tem experiência na área de Enfermagem.

  • Thielly Daiany Cintra, Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE

    Possui ensino-medio-segundo-graupela Escola de Referência em Ensino Médio Corsina Braga(2013). Tem experiência na área de Enfermagem.

  • Rosa Régia Sousa de Medeiros, Centro Universitário Tabosa de Almeida/ Associação Caruaruense de Ensino Superior e Técnico (Asces- Unita), Caruaru, PE

    Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal da Paraíba, Cursou Licenciatura plena em Enfermagem pela Universidade Federal da Paraíba (1995), Enfermeira Pós Graduada em Auditoria de Serviços de Saúde (FACINTER) e Qualidade Internacional em Segurança do Paciente ( Fiocruz 2015). Ocupou o cargo de Coordenadora de Enfermagem do Hospital Unimed Caruaru no período de 2004 a 2014. Atualmente exerce a função de Enfermeira Auxiliar do Governo do Estado de Pernambuco, ocupando a função de Supervisora de plantão do Hospital Regional do Agreste e Presidindo a Comissão de Ética de Enfermagem desde 2011. É docente do Curso de Graduação em Enfermagem no Centro Universitário Tabosa de Almeida - ( ASCES/UNITA), responsável pelos referenciais teóricos de: Processo de trabalho da enfermagem em nível secundário e terciário de saúde e práticas empreendedoras; Indicadores da realidade sócio-política-econômica e cultural sobre a saúde e a doença; Enfermagem no cuidado sistematizado em situações clínicas e cirúrgicas; e Presidente da Comissão interna de Biossegurança do Centro Universitário.

Publicado

2019-02-28

Edição

Seção

Artigo

Como Citar

Enfermagem e tecnovigilância na assistência segura. (2019). Vigilância Sanitária Em Debate , 7(1), 48-52. https://doi.org/10.22239/2317-269X.01171

Artigos Semelhantes

1-10 de 656

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.