Fatores que influenciam no repasto sanguíneo de mosquitos de importância médica: um levantamento bibliográfico

Palavras-chave: Culicidae, Sangue, Preferência, Prevenção

Resumo

Introdução: Os mosquitos pertencentes à família Culicidae reúnem espécies vetoras de arbovírus e causam grande incômodo às populações humanas, devido aos hábitos hematófagos das fêmeas e à transmissão de doenças como dengue, febre amarela, zika, chikungunya e malária. Objetivo: Analisar, por meio de um levantamento bibliográfico, os fatores envolvidos na preferência sanguínea por parte dos mosquitos, além dos principais estudos que discutem esta temática. Método: O levantamento foi realizado nos bancos de dados PubMed, Google Acadêmico e SciELO, nos idiomas português, inglês e espanhol, selecionando artigos publicados entre os anos de 2004 a 2018, período que reuniu o estudo mais antigo até o mais atual encontrado nas buscas sobre o tema. Resultados: Dos estudos analisados, 13 artigos que apresentaram relação com o tema foram selecionados. Neles foi demonstrado que, em diferentes partes do mundo, os principais fatores responsáveis pela preferência sanguínea são: o odor, os fatores genéticos, o sistema ABO, a disponibilidade de hospedeiros no local e o feromônio produzido pelas fêmeas que atrai outros indivíduos ao sítio. Conclusões: A existência de diferentes fatores que influenciam na preferência dos mosquitos por sangue humano é um fato e, apesar disso, o tema ainda carece de análises mais conclusivas. Assim, o conhecimento dos fatores envolvidos poderá ser utilizado principalmente na prevenção de doenças transmitidas por mosquitos.

Biografia do Autor

Camila Monteiro Francisco, Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp), São Paulo, SP, Brasil

Bacharel em Ciências Biológicas pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP),e atualmente é Mestranda na disciplina de Biologia do Desenvolvimento, Departamento de Morfologia e Genética (UNIFESP - EPM).

Wémeson Ferreira da Silva, Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp), São Paulo, SP, Brasil

Graduado em Ciências Biológicas pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP-SP), onde atuou como monitor e aluno de Iniciação Científica no Laboratório de Impacto Ambiental e Histopatologia (LIAH). Realizou o Mestrado e o Doutorado em Ciências pelo Departamento de Morfologia e Genética (Área de concentração - Histologia e Biologia Estrutural) da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP/EPM). Na área de ensino, tem experiência no uso de diferentes metodologias ativas, para o ensino presencial e à distância. Em pesquisa, atua em estudos envolvendo análise morfológica, citoquímica, histoquímica, imunohistoquímica e ultraestrutural de células do sangue e tecidos. Atualmente leciona para os Cursos de Graduação da área da saúde do UNASP-SP e coordena o LIAH, onde mantém um programa de Iniciação Científica e estágio.

Publicado
2019-08-29
Como Citar
Francisco, C., & da Silva, W. (2019). Fatores que influenciam no repasto sanguíneo de mosquitos de importância médica: um levantamento bibliográfico. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 7(3), 60-65. https://doi.org/10.22239/2317-269x.01254
Seção
Artigo