Avaliação da metodologia analítica para determinação de arsênio, cádmio e chumbo em amostras de café, segundo os critérios de aceitação do Codex Alimentarius

Vigil Sanit Debate, Rio de Janeiro, 2024, v.12: e02192| Publicado em: 15/03/2024

Autores

  • Cristiane Barata-Silva Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil Autor https://orcid.org/0000-0002-2940-2121
  • Carolina Duque Magalhães Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil Autor https://orcid.org/0000-0003-1636-5285
  • Renata Aparecida Pereira Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil Autor https://orcid.org/0000-0003-2958-839X
  • Santos Alves Vicentini Neto Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil Autor https://orcid.org/0000-0002-0746-1470
  • Silvana Couto Jacob Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil Autor https://orcid.org/0000-0003-0384-2628
  • Lisia Maria Gobbo dos Santos Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil Autor https://orcid.org/0000-0002-0652-7538

DOI:

https://doi.org/10.22239/2317-269x.02192

Palavras-chave:

Codex Alimentarius, Inmetro, Parâmetros de Validação, Café Torrado em Pó

Resumo

Introdução: O Codex Alimentarius estabelece normas internacionais na área de alimentos para proteger a saúde dos consumidores e garantir práticas legais de comércio entre os países. O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) disponibiliza documentos orientativos que auxiliam os laboratórios a realizarem a validação de metodologias analíticas. Estas são utilizadas para estabelecer critérios de validação e verificação de conformidade dos métodos aplicados na determinação dos níveis de contaminantes e resíduos em produtos de interesse sanitário. Objetivo: Avaliar a metodologia analítica validada utilizada para determinação de arsênio, cádmio e chumbo em amostras de café torrado em pó segundo os critérios de aceitação preconizados no Manual de Procedimentos do Codex Alimentarius 27ª edição. Método: Trata-se de um estudo observacional do tipo descritivo exploratório qualitativo utilizando base de dados secundários. Resultados: Com a leitura do Codex Alimentarius, foram estabelecidos os parâmetros utilizados, sendo eles, a faixa mínima de aplicação, o limite de detecção, o limite de quantificação, a precisão e a exatidão. Assim foi realizada a avaliação da metodologia validada e verificou-se que esta é aplicável para a análise de As, Cd e Pb em amostras de café torrado em pó. Conclusões: A legislação brasileira atual voltada para o controle da presença de contaminantes em alimentos estabelece os limites máximo tolerados para As, Cd e Pb, mas não define quais metodologias devem ser utilizadas para verificar a presença e concentração destes elementos. Sendo assim, a metodologia apresentada nesse estudo é adequada para controlar a qualidade do café torrado em pó quanto a presença destes contaminantes inorgânicos, contribuindo assim para a proteção e a segurança da população.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Cristiane Barata-Silva, Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • Carolina Duque Magalhães, Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • Renata Aparecida Pereira, Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • Santos Alves Vicentini Neto, Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • Silvana Couto Jacob, Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • Lisia Maria Gobbo dos Santos, Setor de Elementos Inorgânicos, Departamento de Química, Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz), Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Downloads

Publicado

2024-03-15

Edição

Seção

Relato de Experiência

Como Citar

Avaliação da metodologia analítica para determinação de arsênio, cádmio e chumbo em amostras de café, segundo os critérios de aceitação do Codex Alimentarius: Vigil Sanit Debate, Rio de Janeiro, 2024, v.12: e02192| Publicado em: 15/03/2024. (2024). Vigilância Sanitária Em Debate , 12, 1-5. https://doi.org/10.22239/2317-269x.02192

Artigos Semelhantes

1-10 de 652

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)