Conhecimentos, atitudes e práticas sobre saúde do trabalhador na Coordenação de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados do Pará, Brasil, 2008

  • Julio Cesar Colpo Agência Nacional de Vigilância Sanitária Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Rodolfo Navarro Nunes Agência Nacional de Vigilância Sanitária
  • Wildo Navegantes Araújo Universidade de Brasília - Campus Ceilândia
Palavras-chave: Saúde do trabalhador, Servidor público, Vigilância sanitária

Resumo

Este estudo buscou caracterizar a atuação, levantar hipóteses sobre agravos identificados e propor recomendações aos trabalhadores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) da Coordenação de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados do Estado do Pará. Utilizou-se um estudo de corte transversal abordando dados demográficos, informações referidas sobre agravos presentes e atuação em Saúde do Trabalhador (ST). Os dados foram analisados no EpiInfo 6.04d. Foram entrevistados 91% servidores lotados no Pará. Os agravos crônicos não transmissíveis foram os mais evidentes, com prevalência dos agravos musculoesqueléticos. Recomenda-se maior atenção para a vigilância em saúde ocupacional para a Anvisa no estado do Pará.

Biografia do Autor

Julio Cesar Colpo, Agência Nacional de Vigilância Sanitária Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Aluno de doutorado em Engenharia e Ciências dos Materiais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Epidemiologista de Campo formado pelo O Programa de Treinamento em Epidemiologia Aplicada aos Serviços do SUS (EPISUS). Mestre em Tecnologia em Saúde (Bioengenharia) pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Especialista em Saúde do Trabalhador e graduado em Enfermagem e Obstetrícia pela Universidade Federal do Paraná.
Publicado
2013-05-29
Como Citar
Colpo, J., Nunes, R., & Araújo, W. (2013). Conhecimentos, atitudes e práticas sobre saúde do trabalhador na Coordenação de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados do Pará, Brasil, 2008. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 1(2), 44-52. Recuperado de https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/22
Seção
Artigo