A rotulagem nutricional para escolhas alimentares mais saudáveis: estudo de intervenção, Natal – RN

  • Sônia Maria Fernandes da Costa Souza Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Natal, RN, Brasil
  • Kenio Costa Lima Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Natal, RN, Brasil
  • Maria do Socorro Costa Feitosa Alves Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Natal, RN, Brasil
Palavras-chave: Rotulagem Nutricional, Defesa do Consumidor, Educação Alimentar e Nutricional

Resumo

A educação alimentar e nutricional está vinculada à produção de informações que subsidiem os indivíduos na tomada de decisões, para que, assim, a população possa optar por alimentos mais saudáveis. O presente estudo objetiva descrever e analisar uma medida de intervenção relativa à rotulagem nutricional, junto aos estudantes de Natal-RN. Trata-se de um piloto em que foram arrolados 118 indivíduos em 2012, em uma instituição de ensino. Os estudantes participaram de uma exposição dialogada de orientação nutricional, tiveram acesso a um folder e responderam ao final um questionário. Os dados foram analisados pelo Programa do SPSS 16.0, com os testes de Wilcoxon e Mcnemar. O valor de p considerado para significância foi de < 0,05. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa da UFRN. Quando indagados sobre a compreensão da exposição dialogada, obteve-se um p de 0,024. Ao serem questionados quanto à importância de conhecer os valores máximos e mínimos de consumo de açúcar, gorduras, sódio e fibras, verificou-se um p de 0,020; em relação ao folder de orientação foi apresentado um p de 0,058. Os estudantes anseiam que sejam mantidas medidas de intervenção que viabilizem a efetividade da rotulagem nutricional como instrumento na educação nutricional.

Biografia do Autor

Sônia Maria Fernandes da Costa Souza, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Natal, RN, Brasil

Possui graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1989) e Mestrado em Ciências da Saúde pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2010). Há mais de 20 anos é técnica da Vigilancia sanitária do município de  Natal e Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciencias da Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Vigilância Sanitária.

 

Kenio Costa Lima, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Natal, RN, Brasil
Pós doutor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).Atualemnte responde pela Coordenação da Pós Graduação em Saúde Coletiva da UFRN
Maria do Socorro Costa Feitosa Alves, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Natal, RN, Brasil
professora do Programa de Pós Graduação em Ciências  da Saúde da UFRN.Atualmente  coordena  o Curso de Odontologia da UFRN.
Publicado
2014-02-27
Como Citar
Souza, S., Lima, K., & Alves, M. do S. (2014). A rotulagem nutricional para escolhas alimentares mais saudáveis: estudo de intervenção, Natal – RN. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 2(1), 64-68. Recuperado de https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/102
Seção
Artigo