Leishmaniose visceral: uma proposta para a mensuração da percepção dos profissionais de saúde em Uruguaiana (Rio Grande do Sul)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22239/2317-269x.02007

Palavras-chave:

Leishmaniose, Saúde Única, Políticas Públicas em Saúde, Educação para a Saúde

Resumo

Introdução: A leishmaniose visceral (LV) é  considerada uma das zoonoses mais relevantes das Américas devido à acentuada magnitude, à ampla distribuição geográfica e à alta taxa de letalidade. Objetivo: Avaliar a percepção dos profissionais de saúde quanto à ocorrência da LV em Uruguaiana (Rio Grande do Sul). Método: Estudo observacional transversal empregando um questionário autoaplicável durante o período de dezembro de 2016 a janeiro de 2017. Resultados: Participaram 183 profissionais de saúde, sendo 136 integrantes da Estratégia Saúde da Família, 20 agentes de controle de endemias e 27 veterinários. Identificaram-se deficiências de percepção dos profissionais de saúde a respeito da epidemiologia e da sintomatologia da doença. Conclusões: Fragilidades na percepção dos profissionais de saúde quanto à epidemiologia e à sintomatologia da LV ficaram evidenciadas, o que poderá impactar na detecção precoce de casos da doença e, consequentemente, na execução das ações preconizadas para o controle e prevenção da
doença. É necessário investir em estratégias de capacitação sobre a LV, visando corrigir lacunas no conhecimento e fomentar discussões que englobem a complexidade do tema.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Laura Ilarraz Massia, Prefeitura Municipal, Uruguaiana, RS, Brasil

    Possui graduação em Medicina Veterinária pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1985) e mestrado em CIÊNCIA ANIMAL pela Universidade Federal do Pampa (2017). Possui especialização em Saúde Pública pelas Faculdade Internacional de Curitiba e pela Escola deSaúde Pública - RS. Atualmente, é médica veterinária da Prefeitura Municipal de Uruguaiana. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Saúde Coletiva, atuando principalmente nos seguintes temas: saúde pública, vigilância sanitária, vigilância ambiental em saúde, saúde única e alimentos.

  • Rita Daniela Quevedo Lamadril, Prefeitura Municipal, Uruguaiana, RS, Brasil

    Possui graduação em Medicina Veterinária pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul(1999), especialização em Binacional de Saúde Pública pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos(2011) e especialização em Especialização em Saúde Pública pela Faculdade Internacional de Curitiba(2004). Atualmente é Médico Veterinário da Prefeitura Municipal de Uruguaiana. Tem experiência na área de Saúde Coletiva.

  • Danton Goulart Bittencourt, Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

    Possui formação de Técnico em Agropecuária pelo Instituto Federal Catarinense - Campus Camboriú e Graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal do Pampa - Campus Uruguaiana.

  • Gisele Dias Marques, Prefeitura Municipal, Itaqui, RS, Brasil

    Possui mestrado em Ciência Animal pelo PPGCA - UNIPAMPA (2017), especialização em Direito Ambiental e Urbanístico (2013), graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade da Região da Campanha (2007). Atualmente é bióloga da Prefeitura Municipal de Itaqui e desenvolve suas atividades na Secretaria Municipal da Saúde como Coordenadora da Vigilância Ambiental em Saúde. Possui experiência na área de meio ambiente, licenciamento ambiental e vigilância sanitária. Trabalha com software GIS e é responsável técnica da empresa Marques & Escalante Consultoria Ambiental.

  • Eliana Leonor Hurtado Celis, Corporación Universitaria Remington, Medelín, Colômbia

    Possui graduação em Medicina Veterinaria e Zootecnia - Universidad del Tolima (2013), mestrado em Ciência Animal (2017) pela Universidade Federal do Pampa. Estagio de graduação na CRYOGEN, Colombia (2012) na área da Reprodução bovina. Atuação profissional na Medicina Veterinaria na Central de Urgencias Veterinarias (2013) e na Secretaria de Saúde Estadual do Tolima (2013-2014) no controle da Raiva canina e felina; na Capacitação e operação de projetos no Comite de Ganaderos do Tolima (2017); atualmente Consultora de Projetos no Centro de Productividad del Tolima desde 2019 e docente da faculdade de Medicina Veterinaria da Uniremington (Colômbia) desde 2021. Tem experiência na área de Medicina Veterinária e Zootecnia, com ênfase em Epidemiologia, Saúde Coletiva, Analise de Risco, Docencia e Formulação e Desenvolvimentos de Projetos Agrícola e de Investigação.

  • Jarbas da Silva Ziani, Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

    Enfermeiro pela Universidade Federal do Pampa - UNIPAMPA (2022). Residente em Atenção Clínica especializada com ênfase em Infectologia e Neurologia pela Universidade Franciscana - UFN. Integrante dos seguintes grupos: Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão TUAREG: Tuberculose: avaliação respiratória e gestão (UNIPAMPA); NUPEEDIC - Núcleo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Doenças Infectocontagiosas (UNIPAMPA) e do PRACCES: Práticas de Cuidado nos diversos Cenários de Atenção à Saúde (UFSM). Atuou como Bolsista do Programa de Educação Tutorial Práticas Integradas em Saúde Coletiva - PET PISC (2019/2021/1) e como Monitor/Voluntário da Disciplina de Semiologia em Enfermagem (2019/2021).

  • Jenifer Harter, Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

    Professora Adjunta da Universidade Federal do Pampa (Unipampa) no campus Uruguaiana, curso de Enfermagem. Doutora em Ciências da Saúde - Enfermagem pelo Programa de Pós Graduação da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

  • Wagner de Souza Tassinari, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

    Estatístico formado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), com mestrado em Saúde Coletiva, na área de concentração de Epidemiologia/Bioestatística no IMS/UERJ e doutorado em Saúde Pública na ENSP/FIOCRUZ. Atualmente professor associado da área de Estatística no Departamento de Matemática da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, atuando como professor permanente na Especialização de Estatística Aplicada na UFRRJ, e professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias (IV/UFRRJ) e do Programa em Epidemiologia e Saúde Pública (ENSP/FIOCRUZ) . Têm experiência nas áreas de: Probabilidade e Estatística, Modelos Estatísticos em Vigilância Epidemiológica, Modelagem Estatística Espacial, Longitudinal e Espaço-Temporal. Mais recentemente vem se dedicando aos estudos em epidemiologia humana e veterinária e a Ciência de Dados.

  • Débora da Cruz Payão Pellegrini, Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

    Concluiu a graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Lavras em 2000, mestrado pela Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (FIOCRUZ) (2003) e doutorado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2012). Trabalhou na Perdigão Agroindustrial S.A (atual BRF) entre os anos de 2003 a 2007 (Laboratório de Patologia e Sanidade de aves e suínos). Foi docente no curso de Medicina Veterinária da Universidade do Oeste de Santa Catarina (2010 a 2013). Atua como professora adjunta da Universidade Federal do Pampa, nos cursos de Medicina Veterinária e Residência Integrada Multiprofissional em Saúde Coletiva e é docente permanente no Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal (PPGCA Unipampa). Tem experiência na área de Medicina Veterinária, com ênfase em Saúde Pública, Epidemiologia Veterinária e Microbiologia Veterinária (Bacteriologia), atuando principalmente nos seguintes temas: leishmaniose visceral, salmonela, análise espaço-temporal e controle de zoonoses e doenças infectocontagiosas em animais.

Publicado

2022-05-31

Edição

Seção

Artigo

Como Citar

Leishmaniose visceral: uma proposta para a mensuração da percepção dos profissionais de saúde em Uruguaiana (Rio Grande do Sul). (2022). Vigilância Sanitária Em Debate , 10(2), 61-67. https://doi.org/10.22239/2317-269x.02007

Artigos Semelhantes

1-10 de 662

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)