Cobertura da informação e da conformidade do fluoreto na água de abastecimento: diferenciais demográficos e socioeconômicos dos municípios brasileiros

Vigil Sanit Debate, Rio de Janeiro, 2023, v.11: e02149 | Publicado em: 26/10/2023

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22239/2317-269x.02149

Palavras-chave:

Fluoreto, Qualidade da Água, Sistemas de Informação, Saúde Pública

Resumo

Introdução: O acesso à água segura é um desafio importante em saúde global e um direito humano fundamental. A qualidade da água consumida pela população é garantida por meio da verificação contínua e do controle de substâncias, como o fluoreto. Embora tenha havido uma melhora nas práticas de ajuste da concentração de fluoreto na água, ainda são identificadas situações de desconformidade em diferentes territórios e países. Objetivo: Verificar se a concentração de fluoreto nos sistemas de abastecimento de água dos municípios brasileiros estava de acordo com o padrão esperado para prevenir a cárie dentária, levando em consideração as características demográficas, socioeconômicas e de gestão dos municípios. Método: Realizou-se um estudo ecológico para avaliar a cobertura dos registros de vigilância do fluoreto e sua conformidade com os sistemas de abastecimento de água no Brasil em 2018, com base no intervalo ótimo de concentração recomendada pelo Centro Colaborador do Ministério da Saúde em Vigilância da Saúde Bucal (0,445-0,944 mg F/L). Para isso, foram coletados dados de concentração do fluoreto no Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano. Resultados: Dos municípios providos por sistemas de abastecimento de água e que mantinham registros atualizados, 38,5% tinham informação válida e 42,2% destes apresentavam 80,0% ou mais dos registros de fluoreto dentro do intervalo esperado para prevenção da cárie dentária. A cobertura da informação e da conformidade foram mais altas nos municípios com 50 mil habitantes ou mais; com IDH alto e muito alto; com índice de Gini < 0,49; com PIB per capita e despesa per capita em vigilância sanitária mais elevadas. Conclusões: A cobertura da informação e da conformidade foi maior nos municípios com os melhores indicadores socioeconômicos e de desempenho da gestão, sugerindo a necessidade do ajuste das estratégias da política de vigilância de qualidade da água visando o controle da cárie dentária em nível populacional.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

Publicado

2023-10-26

Como Citar

Cobertura da informação e da conformidade do fluoreto na água de abastecimento: diferenciais demográficos e socioeconômicos dos municípios brasileiros: Vigil Sanit Debate, Rio de Janeiro, 2023, v.11: e02149 | Publicado em: 26/10/2023. (2023). Vigilância Sanitária Em Debate , 11, 1-9. https://doi.org/10.22239/2317-269x.02149

Artigos Semelhantes

1-10 de 667

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.