Dilemas e desafios para circulação de queijos artesanais no Brasil

Autores/as

  • Jaqueline Sgarbi Santos Universidade Federal da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasilieira (UNILAB), Redenção, CE Autor/a
  • Joel Henrique Cardoso Embrapa Clima Temperado, Pelotas, RS Autor/a
  • Fabiana Thomé da Cruz Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, RS Autor/a
  • Flávio Sacco dos Anjos Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Pelotas, RS Autor/a

DOI:

https://doi.org/10.22239/2317-269X.00617

Palabras clave:

Cultura, Conhecimentos Tradicionais, Comércio, Legislação Sanitária sobre Alimentos, Vigilância Sanitária

Resumen

A importância dos produtos alimentares tradicionais tornou-se evidente nos debates contemporâneos sobre o rural. São bebidas, farinhas, doces e queijos produzidos localmente por meio de um saber fazer tradicional criado e recriado através do tempo. O universo empírico do estudo corresponde às regiões produtoras do Queijo do Serro, em Minas Gerais, e do Queijo Serrano no Rio Grande do Sul, no sudeste e no sul do Brasil, respectivamente. A pesquisa inspira-se no método etnográfico para compreender como ocorrem os processos de circulação e comercialização destes sistemas queijeiros e as possibilidades e limitações impostas pela legislação brasileira. Ainda que existam legislações que objetivam trazer os queijos para a formalidade, estas ainda são desconectadas da realidade dos sistemas de elaboração de queijos tradicionais. Desse modo, em decorrência, a informalidade é uma característica preponderante da comercialização dos dois sistemas estudados.

Descargas

Los datos de descarga aún no están disponibles.

Biografía del autor/a

  • Jaqueline Sgarbi Santos, Universidade Federal da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasilieira (UNILAB), Redenção, CE
    Pós-Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar , Universidade Federal de Pelotas.
  • Joel Henrique Cardoso, Embrapa Clima Temperado, Pelotas, RS
    Pesquisador Dr. Embrapa Clima Temperado-Pelotas,RS.
  • Fabiana Thomé da Cruz, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, RS
    Pós-doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
  • Flávio Sacco dos Anjos, Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Pelotas, RS
    Professor do Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar, Universidade Federal de Pelotas

Publicado

2016-11-25

Cómo citar

Dilemas e desafios para circulação de queijos artesanais no Brasil. (2016). Vigilancia En Salud En Debate: Sociedad, Ciencia Y Tecnología, 4(4), 13-22. https://doi.org/10.22239/2317-269X.00617

Artículos similares

1-10 de 567

También puede Iniciar una búsqueda de similitud avanzada para este artículo.