Arsênico - saúde: uma relação que exige vigilância

  • Juliana Monteiro Bastos da Silva Instituto Nacional de Controle da Qualidade em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz)
  • Ramon J. Barrio Universidad del Pays Vasco
  • Josino Costa Moreira Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz (ENSP/FIOCRUZ)
Palavras-chave: arsênico, contaminação humana, vigilância à saúde, vigilância sanitária, arsênico em alimentos

Resumo

Sob o ponto de vista da saúde humana o arsênico (As) é um elemento paradoxal: é um componente natural do organismo, onde se acredita participe de funções essenciais, é considerado comprovadamente carcinogênico, fazendo parte do Grupo 1 do IARC, e é utilizado como medicamento contra alguns tipos de câncer. Essa ambiguidade expõe a necessidade de se compreenderem os reais mecanismos dos processos biológicos que envolvem esse elemento. Sabe-se que esse mecanismo é complexo e influenciado por uma série de fatores ambientais e genéticos. Assim, este artigo procura apontar algumas lacunas no atual conhecimento e apresenta alguns resultados que justificam a importância de se estruturar nacionalmente um programa de vigilância à saúde que deveria se iniciar pelo conhecimento das concentrações relativas das formas arsenicais nos alimentos consumidos no Brasil.

Biografia do Autor

Juliana Monteiro Bastos da Silva, Instituto Nacional de Controle da Qualidade em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz (INCQS/Fiocruz)
Mestranda do Curso de Vigilância Sanitária
Instituto Nacional de Controle da Qualidade em Saúde / Fundação Oswaldo Cruz
Ramon J. Barrio, Universidad del Pays Vasco
Departamento de Quimica Analítica
Faculdad de Farmácia
Universidad del Pays Vasco

Vitoria-Gasteiz

Espanha

Josino Costa Moreira, Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz (ENSP/FIOCRUZ)

Possui graduação em Farmacia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1967), mestrado em Química (Química Analítica Inorgânica) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1977) e doutorado em Quimica - Loughborough University (1991). Tem experiência na área de Química, com ênfase em Eletroanalítica, atuando principalmente nos seguintes temas: rio de janeiro, contaminação ambiental, voltammetry, chumbo e agrotoxicos. Fator H = 25 (base Scopus, 2011).
CV: http://lattes.cnpq.br/9103989779392600

Publicado
2014-02-27
Como Citar
da Silva, J., Barrio, R., & Moreira, J. (2014). Arsênico - saúde: uma relação que exige vigilância. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 2(1), 57-63. Recuperado de https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/130
Seção
Artigo