Incidência de eventos adversos cirúrgicos em hospital dia

  • Eliana Auxiliadora Magalhães Costa Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Salvador, BA
  • Lícia Lígia Moreira Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA
  • Maria Enoy Neves Gusmão Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA
Palavras-chave: Reação adversa, Hospital dia, Segurança do paciente, Vigilância Sanitária

Resumo

Os eventos adversos cirúrgicos têm especial relevância pelo impacto sobre a saúde dos pacientes e por serem preveníveis. A despeito do crescente número de publicações nessa área, persistem lacunas de conhecimento acerca desses eventos na modalidade da assistência cirúrgica ambulatorial. Esta pesquisa objetivou estimar a incidência de eventos adversos cirúrgicos em hospital dia. Trata-se de um estudo de coorte retrospectiva de 55.879 pacientes operados num hospital dia entre os anos de 2010 e 2014. A incidência de eventos adversos cirúrgicos foi de 0,51%. Destes eventos, 0,31% foram de Infecções do sítio cirúrgico e 0,19% de outros eventos adversos cirúrgicos distribuídos proporcionalmente em: deiscência da ferida cirúrgica (12,90%), hemorragia (5,20%), flebite (5,20%) e  trombose dos membros inferiores (4,90%). Os resultados deste estudo ratificam que a cirurgia realizada em regime ambulatorial de hospital dia está relacionada a menores incidências de eventos adversos cirúrgicos, entretanto, é indispensável um sistema de seguimento dos pacientes após alta, no sentido de evitar a subnotificação e sub-registros dos dados, que, na ausência desse, pode ocultar dados e identificar taxas irreais.

Biografia do Autor

Eliana Auxiliadora Magalhães Costa, Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Salvador, BA

Profa. Adjunta do Departamento de Ciências da Vida da Universidade do Estado da Bahia.

 

Lícia Lígia Moreira, Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA
Mestre em Ciências da Saúde. Enfermeira de Controle de Infecção Hospitalar do Serviço Especializado em Controle de Infecção Hospitalar.
Técnica da Vigilância Sanitária da Bahia
Maria Enoy Neves Gusmão, Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA
Doutora em Saúde Pública. Profa. Adjunta da Universidade Federal da Bahia.
Publicado
2017-05-31
Como Citar
Costa, E. A., Moreira, L., & Gusmão, M. E. (2017). Incidência de eventos adversos cirúrgicos em hospital dia. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 5(2), 77-82. https://doi.org/10.22239/2317-269x.00865
Seção
Artigo