Avaliação do conhecimento dos profissionais do bloco cirúrgico quanto ao gerenciamento dos resíduos sólidos em saúde

  • Francimary de Alencar Campos Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza, CE, Brasil
  • Francisca Jane Gomes de Oliveira Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
  • Natasha Marques Frota Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
  • Joselany Afio Caetano Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
  • Mônica Oliveira Batista Oriá Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
  • Patricia Neyva da costa Pinheiro Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
Palavras-chave: Eliminação de Resíduos Sólidos, Poluição ambiental, Pesquisa nos Serviços de Saúde

Resumo

Objetivou-se identificar o conhecimento dos profissionais do bloco cirúrgico quanto ao gerenciamento dos resíduos sólidos em saúde. Trata-se de um estudo de abordagem quantitativa, transversal, descritivo, tipo inquérito CAP (conhecimento, atitude e prática). Realizado no bloco cirúrgico de um hospital público do município de Fortaleza, vinculado ao Ministério da Educação. Processou-se a coleta de dados nos meses de setembro e  outubro de 2011 e a amostra foi composta de 50 profissionais que desenvolviam atividades no setor no período no período avaliado. Para análise dos dados utilizou-se o coeficiente de correlação entre o conhecimento, atitude e prática com dados sociodemográficos dos profissionais. O estudo mostrou a falta de conhecimento dos entrevistados a respeito dos resíduos sólidos em saúde e o interesse deles em adquiri-lo, de modo a refletir positivamente em ações que contribuam na promoção da saúde no meio ambiente. Percebe-se ser fundamental que essas ações estejam voltadas para os profissionais que produzem esses
resíduos, por meio de medidas educativas que favoreçam o conhecimento e reflitam em sua atitude e prática diante do descarte adequado do lixo produzido.

Biografia do Autor

Francimary de Alencar Campos, Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza, CE, Brasil
enfermeira mestre em enfermagem pela universidade federal do ceara
Francisca Jane Gomes de Oliveira, Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
enfermeira especialista em unidade de terapia intensiva, mestranda da universidade federal do ceara
Natasha Marques Frota, Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
enfermeira, doutoranda da universidade federal do ceara
Joselany Afio Caetano, Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
professora do programa de pos-graduação em enfermagem da universidade federal do ceara, doutora em enfermagem
Mônica Oliveira Batista Oriá, Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
professora programa de pos-graduação em enfermagem da universidade federal do ceara, doutora em enfermagem
Patricia Neyva da costa Pinheiro, Universidade Federal do Ceará(UFC), Fortaleza, CE, Brasil
doutora em enfermagem, professora do programa de pos-graduação em enfermagem
Publicado
2014-02-27
Como Citar
Campos, F., Oliveira, F., Frota, N., Caetano, J., Oriá, M., & Pinheiro, P. (2014). Avaliação do conhecimento dos profissionais do bloco cirúrgico quanto ao gerenciamento dos resíduos sólidos em saúde. Vigilância Sanitária Em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, 2(1), 33-38. Recuperado de https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/97
Seção
Artigo